As mulheres traem quando uma destas 3 coisas acontecem

Mulher falando ao celular e pedindo sigilo enquanto fala ao celular e está deitada na cama com um homem

Categoria: Infidelidade

Avatar de Psicólogo Emilson Lúcio da Silva

Importante: este artigo é meramente informativo e insuficiente para um diagnóstico definitivo. Sendo assim, é recomendado agendar uma consulta sobre seu caso em particular.

Publicidade
Início do artigo

Uma mulher pode trair e ainda estar apaixonada por alguém? Embora não seja preciso ou justo generalizar sobre por que as pessoas são infiéis, já que cada indivíduo e relacionamento são únicos, minha experiência ensina que as mulheres provavelmente traem seus parceiros quando essas três coisas acontecem:

Quando uma mulher deseja variedade sexual

Se você pensou que variedade sexual era apenas coisa de homem, pensou errado. Às vezes, a razão pela qual as mulheres traem é sexualmente motivada, no entanto, sempre há um pequeno problema.

Leia também:  Curtir fotos de outras mulheres conta como traição?

A maioria das mulheres que se encontra nessa situação acredita que suas necessidades sexuais e emocionais não estão sendo atendidas em seu relacionamento atual. O que tende a acontecer é que as elas terceirizam o prazer sexual na tentativa de permanecer ou preservar suas parcerias primárias.

De forma mais simples: se uma mulher estava em um relacionamento no qual era infeliz e emocionalmente faminta, buscará essa atenção que lhe falta em um terceiro. Uma vez que continue a receber a gratificação emocional que deseja, permanecerá no casamento sem amor pelo tempo que for necessário, de maneira a não acabar com sua família, ou partir o coração do parceiro a longo prazo.

No entanto, se ela continuar sem as necessidades sexuais atendidas por seu parceiro principal, terá que se separar ou pedir o divórcio para encontrar a felicidade em outro lugar.

Quando carece ou perde o amor do parceiro principal

É comum que algumas mulheres se encontrem com um parceiro que pareça uma pessoa legal, mas é controlador, sufocante ou emocionalmente indisponível. A mulher pode tentar fazer mudanças para que ele procure, por exemplo, ajuda profissional ou incentivá-lo a conhecê-la mais emocionalmente.

Leia também:  Por que um homem é capaz de trair a pessoa que ama?

Contudo, quando a mulher não tem exito nessas tentativas, ela perde o amor, o respeito e o carinho por ele, e começa a procurá-las em outro lugar. A narrativa inconsciente que você ouvirá neste caso é que muitas vezes ele é um cara legal, mas ela é uma miserável. Sendo assim, então ele pode agir para terminar o relacionamento.

Algumas mulheres deixam emocionalmente seus parceiros muito antes de saírem fisicamente do relacionamento. A traição emocional começa antes da traição física. Se você mantiver essas afirmações em mente, muitos comportamentos femininos relacionados a fidelidade se tornarão mais evidentes.

As mulheres são muito mais propensas do que os homens a iniciar separações, e também são mais felizes após.

Publicidade

Fatores situacionais

Mulheres que imaginam a culpa por deixarem um parceiro não acreditam que sua própria felicidade é justificativa suficiente para um divórcio. Ela irá, como solução, encontrar consolo na traição.

Leia também:  Como fazer um narcisista admitir que traiu?

Para elas, trair é uma forma de manter suas opções em aberto e garantir que não sejam feridas ou abandonadas. Se não se sentirem seguras e protegidas, buscarão compensar a validação e a atenção em outro lugar.

Em outras palavras, toda vez que você briga ou tem um desentendimento com uma mulher assim, pode estar empurrando-a para os braços de outro homem. Ela eventualmente usará o terceiro como um ponto de transição para sair do relacionamento com você.

Nenhuma dessas razões é imutável, cada relacionamento é único, cada mulher é diferente e os relacionamentos são complexos.

Sobre o autor: Emilson Lúcio da Silva

Avatar de Psicólogo Emilson Lúcio da Silva

Artigos relacionados

Avatar do Psicólogo Emilson Lúcio da Silva

Autor: Psicólogo Emilson Lúcio da Silva

Emilson Lúcio da Silva é Psicólogo desde 2012. Ele possui o título de especialista pelo Conselho Federal de Psicologia e é reconhecido como uma autoridade na área de saúde mental.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *