Ele se afastou de você do nada: quais as principais motivações?

Uma mulher no celular ao descobrir que ele se afastou dela do nada

Categoria: Divórcio

Avatar de Psicólogo Emilson Lúcio da Silva

Importante: este artigo é meramente informativo e insuficiente para um diagnóstico definitivo. Sendo assim, é recomendado agendar uma consulta sobre seu caso em particular.

Publicidade
Início do artigo

Talvez você nunca obtenha uma resposta exata do porque ele se afastou de você do nada. No entanto, existem vários motivos comuns pelos quais alguém abandona um relacionamento.

O amor seria muito mais fácil se a linha entre “amar” e “não amar” fosse claramente visível. Também seria útil se o caminho que leva a essa linha viesse com sinais de alerta do tamanho de outdoors e sirenes estridentes.

Porém, nenhum relacionamento é perfeito, e a maioria tem um ponto de sucesso ou fracasso, além de todos darem muito trabalho.

Aqui estão os motivos mais comuns pelos quais ele se afastou de você do nada. Ainda que o motivo da saída pareça ser outro, é muito provável que o afastamento tenha começado por causa de um desses motivos.

Leia também:  A pandemia está prejudicando o seu relacionamento?

Por que dói tanto quando ele se afasta de você do nada?

Ninguém quer ficar no escuro, e quando ele se afasta de você do nada te deixando pensar no “que eu fiz de errado”, é como um golpe baixo.

Algumas pessoas não conseguem entender como tal ruptura não é apenas incapacitante emocionalmente para a outra pessoa, mas cria um amargo e desnecessário conflito.

Não saber por que ele se afastou de você do nada é sempre algo que puxa qualquer um para baixo.

Razões pelas quais ele se afastou de você do nada

Ele estava com medo da intimidade

O medo da intimidade é um dos motivos mais comuns pelos quais as pessoas se afastam do nada. É natural que todos os relacionamentos de longo prazo percam o brilho, mas deixar de amar geralmente é um código para “terminei aqui”.

Embora hajam casos em que os casais voltam a se apaixonar, na maioria das vezes é difícil renovar essa conexão emocional. Então, por mais difícil que seja, não leve isso para o lado pessoal.

Lembre-se de que as pessoas se apaixonam e desapaixonam o tempo todo, e você provavelmente não quer estar com alguém que não o ama profundamente.

Vocês se tornaram mais “irmãos” do que parceiros

Muitos relacionamentos e casamentos sérios, especialmente aqueles que começam em tenra idade, passam de românticos a familiares. São casais que “crescem” juntos e depois “se separam”.

Os maridos tornam-se “irmãos” e as esposas tornam-se “irmãs”, tornando a relação estranha demais para permanecer no romântico. Essas são situações difíceis porque ainda existe uma forte ligação emocional, mas nenhuma ligação física.

Leia também:  Como fazer um ex namorado se apaixonar por você novamente?

Se esse for o motivo pela qual seu ele se afastou de você do nada, então é porque você se saiu bem. Afinal, o relacionamento foi confortável e “bom” em muitos aspectos.

Ele se sentiu ignorado e desvalorizado

Assim como acontece com um jardim, quando um relacionamento não é cuidado, ele murcha e morre. Se você subestima seu parceiro ou negligencia o vínculo entre vocês, a relação se rompe como um galho morto de uma árvore.

Portanto, uma vez que a parceria termina, é preciso muito trabalho para resgatá-la de volta ao ponto em que precisa estar.

Então, assuma a responsabilidade pela sua parte, perdoando-se pelo que você poderia ter feito de diferente. Abandone a raiva, o ressentimento e crie espaços para a compreensão e o crescimento.

Ele conheceu outra pessoa

Esse costuma ser o motivo mais doloroso para ele ter se afastado de você do nada, e também é o mais fácil de aceitar. Afinal, a mensagem aqui é interpretada como uma infidelidade.

Publicidade

A infidelidade prejudica gravemente um relacionamento e as pessoas envolvidas, diferentemente de motivos opacos, como tédio ou falta de compatibilidade.

Voltar após caso extraconjugal é possível, mas a confiança está abalada e não pode ser recuperada. Os parceiros geralmente se negam a trabalharem para salvar o relacionamento ou o casamento, aumentando os níveis de frustração e mágoa.

Então, não assuma uma postura muito justa ou moral. As razões dos casos extraconjugais são multifacetadas.

Vocês não tinham mais nada em comum

Isso sempre parece algo que pode ser resolvido ou consertado, mas quando duas pessoas vivem vidas separadas, elas eventualmente se distanciam demais. Isso acontece de forma lenta e misteriosa até que, um dia, não há interesses em comum e alguém fica entediado.

Leia também:  Os melhores e evidentes sinais de que seu ex não quer voltar

Esta é uma ótima oportunidade e um momento para se perguntar o que você quer fazer com seu tempo e como deseja vivê-lo. Por mais difícil que seja perder seu parceiro, provavelmente alguma parte de você se fechou ou se perdeu no relacionamento.

Ele estava com medo de terminar

Algumas pessoas pensam que, quando terminam um relacionamento, existe a possibilidade de a situação se complicar e elevar o risco de drama.

Se algo assim aconteceu com ele no passado, então é provável que estivesse com medo disso acontecer com você também. E, quando uma pessoa está com medo, geralmente ela se afasta de você do nada porque acredita que você não conseguirá lidar com a explicação real.

Palavras finais sobre porque ele se afastou de você do nada

Os motivos do porque ele se afastou de você do nada podem ser muitos, desde o tempo que estiveram juntos até não querer ferir seus sentimentos. Independente disso, está claro que no momento ele não está pronto para se abrir com você.

Então, por enquanto, a melhor coisa que a fazer é continuar evitando contato e trabalhando para se tornar a melhor versão de si mesmo. Só assim você conseguirá fazer seu ex voltar no momento certo.

Sobre o autor: Emilson Lúcio da Silva

Avatar de Psicólogo Emilson Lúcio da Silva

Artigos relacionados

Avatar do Psicólogo Emilson Lúcio da Silva

Autor: Psicólogo Emilson Lúcio da Silva

Emilson Lúcio da Silva é Psicólogo desde 2012. Ele possui o título de especialista pelo Conselho Federal de Psicologia e é reconhecido como uma autoridade na área de saúde mental.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *