Como superar o medo de falar em público?

Homem com metade do rosto escondido atrás de uma mesa branca

Categoria: Outros

Avatar de Psicólogo Emilson Lúcio da Silva

Importante: este artigo é meramente informativo e insuficiente para um diagnóstico definitivo. Sendo assim, é recomendado agendar uma consulta sobre seu caso em particular.

Publicidade
Início do artigo

Você tem um grande medo de falar em público? Essa é uma oportunidade que nos enche de pavor. Um dos maiores obstáculos que enfrentamos é o medo da interação pública.

O medo de falar em público, ou glossofobia, está entre os principais medos, superando até mesmo o de altura, de aranhas e o da própria morte.

O medo de falar em público

O próprio fato de estar no centro das atenções nos abre para a possibilidade de avaliação, crítica ou mesmo rejeição.

A angústia da rejeição ativa a mesma parte do cérebro responsável pela dor física. Ela é uma das emoções mais dolorosas, e é sustentada por mais tempo que o medo. Portanto, o medo e a ansiedade de socializar ou de falar em público é causado pelas respostas percebidas dos outros.

Podemos ficar com medo de nossa capacidade de desempenho, preocupando-nos com a possibilidade de acabar nos envergonhando. O medo que sentimos geralmente é proporcional ao desejo de fazer o bem e ser visto sob um ponto de vista positivo.

Leia também:  Por que os Psicólogos evitam falar sobre si na terapia?

Essa ansiedade pode gerar reações psicofisiológicas complexas que percebemos como ameaçadoras à vida:

  • Coração acelerado;
  • Boca seca;
  • Mãos trêmulas;
  • Voz trêmula;
  • Palmas das mãos frias e suadas;
  • Dores de estômago.

Transformando o medo de falar em público

A maioria das pessoas que tem medo de falar em público tenta manter o autocontrole, o que, ironicamente, as leva a perder o controle. A tentativa de evitar pensar no que pode acontecer aumenta o medo.

Diante da situação temida, a melhor estratégia é a de pensar na pior fantasia, permitindo que superemos o problema e mobilizemos nossos recursos.

Assim, devemos dedicar um espaço e um tempo diário, precisamente planejado, com começo e fim, nos quais voluntariamente concentramos todas as nossas piores fantasias. Isso ajudará gradualmente a conter e superar nosso medo de falar em público.

Outra estratégia importante no dia da apresentação é se dar a possibilidade de escolher entre duas opções:

  1. Declarar sua fraqueza e tornar público seu medo ou;
  2. Continuar falando em público.

Esse truque mental pode permitir que nossa mente, diante de duas opções, uma menos assustadora que a outra, escolha a menos assustadora.

Nos raros casos em que declaramos e tornamos público nosso medo, toda a sua tensão se dissolve e sua fala ocorrerá notavelmente bem e relaxada. Lembre-se: a tentativa de controlar a tensão leva à perda de controle.

Quando nós abandonamos o controle e declaramos nossas fraquezas, ficamos mais fortes. Usar essa estratégia permite transformar a fraqueza em força. Recusar a aceitar nossas próprias limitações torna a fraqueza incontrolável, e resulta em resultados negativos.

Uma pessoa que declara sua fragilidade aos outros parece forte porque demonstra seu lado corajoso.

Leia também:  O que você deve fazer se não gostar do seu Psicólogo?

A pior fantasia sobre o medo de falar em público

O medo pode ser superado pelo e através do próprio medo. Uma técnica que uso para combater qualquer medo é a chamada “pior fantasia”, onde o paciente é solicitado a literalmente evocar seus fantasmas e tocá-los para fazê-los desaparecer.

Esse procedimento paradoxal, simples, mas altamente eficaz, bloqueia imediatamente a solução usual do paciente de tentar impedir que o medo ocorra. Além disso, esse procedimento transforma algo que está fora de controle em uma forma de comportamento prescrito, auto-induzido e, portanto, controlado.

Respire profundamente

Emoções tão fortes como a ansiedade e o medo desencadeiam em seu corpo uma resposta muito específica de luta ou fuga:

  • Seus músculos se contraem;
  • Sua frequência cardíaca aumenta;
  • Sua pressão sanguínea sobe e;
  • Sua respiração fica superficial.

Embora essas reações físicas sejam úteis para escapar do perigo, dificilmente será útil durante a apresentação, já que você não pode fugir do seu público nem lutar com ele.

Publicidade

No entanto, uma vez que sua taxa de respiração está diretamente ligada à sua reação emocional, a maneira mais rápida e fácil de manter suas emoções sob controle e recuperar a confiança é através da respiração profunda.

Seja para conversar com clientes em potencial ou para fazer uma apresentação para sua equipe, lembre-se de respirar profunda e uniformemente antes e durante o discurso.

Leia também:  O que é gaslighting e como lidar com ele?

Mude sua atenção para o ambiente

Muitas pessoas têm um desempenho ruim porque se concentram demais em seus sintomas físicos e no constrangimento, em vez de se concentrar na respiração e na fala.

Esse problema pode ser evitado mudando o foco de como nos sentimos ou olhamos para a mensagem que queremos compartilhar com nosso público.

Faça um ensaio mental

O ensaio mental é usado rotineiramente por muitos atletas de alto nível como parte de seu treinamento para uma competição. Além do atletismo, o ensaio mental ajuda a melhorar o desempenho em áreas como comunicação, oratória e educação.

Para garantir que sua apresentação corra bem, além da preparação e ensaio do discurso, reserve de 10 a 15 minutos por dia para relaxar. Feche os olhos e visualize a sala em que você fará a apresentação, as pessoas no auditório e você mesmo sorrindo e se movendo pelo palco.

Foque-se nos fatos, não no medo de falar em público

Em vez de se concentrar nos medos, concentre seus pensamentos em fatos positivos, como:

  • “Eu pratiquei meu discurso muitas vezes”;
  • “Sou um especialista nesse assunto” ou;
  • “Eu tenho notas com pontos principais para estruturar minha palestra”.

Concentrar-se em fatos positivos e no que você pode oferecer afasta o pensamento em cenários irracionais do que pode dar errado.

Sobre o autor: Emilson Lúcio da Silva

Avatar de Psicólogo Emilson Lúcio da Silva

Artigos relacionados

Avatar do Psicólogo Emilson Lúcio da Silva

Autor: Psicólogo Emilson Lúcio da Silva

Emilson Lúcio da Silva é Psicólogo desde 2012. Ele possui o título de especialista pelo Conselho Federal de Psicologia e é reconhecido como uma autoridade na área de saúde mental.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *