Cabeçalho site

Psicólogo online para vítimas de narcisismo em qualquer lugar do mundo

Início

Artigos

Sobre

Início » Narcisismo » O que acontece quando você diz “não” a um narcisista?

O que acontece quando você diz “não” a um narcisista?

Este conteúdo não foi escrito por inteligência artificial.
Assim, você tem garantia de que ele possui qualidade, precisão e originalidade.


O narcisismo destrói interações saudáveis, mesmo em suas formas mais triviais.

Envolver-se em relacionamentos de longo prazo com um narcisista leva a traumas significativos, angústia e devastação.

Infelizmente há situações em que é quase impossível se livrar de um relacionamento narcisista.

Então, para fins de autopreservação, aprender a estabelecer limites nesses relacionamentos é fundamental.

Livre-se do narcisismo em sua vida!

Psicólogo Emilson Silva com camisa roxa e rindo

Com mais de 12 anos de experiência, já ajudei milhares de pessoas a superarem algum tipo de abuso narcisista.

Um aspecto importante para entender ao lidar com um narcisista é sua capacidade única de distorcer a realidade, juntamente com sua crença aparentemente impenetrável de que o que ele afirma ser verdade é absoluto.

Isso torna a comunicação quase intransponível.

A discussão só leva a uma caminhada em círculo, onde o raciocínio é completamente ineficaz e as reações emocionais apenas dão ao narcisista mais munição.

Estabeleça limites

A profundidade da disfunção que ocorre na comunicação com um narcisista leva a recomendação de se distanciar assim que possível.

Isso lhe dará uma chance para respirar e se recompor.

Quando isso não é uma opção, a vítima do narcisista precisa assumir a responsabilidade de estabelecer limites.

Compreender a necessidade de estabelecer limites é imperativo ao interagir com ele.

Os limites devem ser claros, apesar das nebulosas situações que surgem na vida. Qualquer margem de manobra no estabelecimento de limites só ajudará o narcisista a desrespeitá-lo mais rapidamente.

O método mais básico de estabelecer um limite é aprender a dizer “não” a um narcisista.

O “não” é uma frase completa

Dar razões ou oferecer alternativas para uma situação é razoável ao se comunicar dentro de um relacionamento saudável, mas no relacionamento com um narcisista, o “não” precisa ser o fim da frase.

Dada a natureza do transtorno, ouvir “não” sem qualquer oportunidade de argumentar, persuadir ou manipular é extremamente frustrante, e provavelmente resultará na escalada de seu comportamento, pelo menos a curto prazo.

No entanto, com o passar do tempo e o estabelecimento constante de limites, sem qualquer espaço de manobra, o narcisista buscará outras vítimas.

As reações

O estabelecimento de limites bem-sucedido com um narcisista começa com uma compreensão crítica do seu poder de dizer “não”.

Você tem permissão para rejeitá-lo, discordar e responder “não” sem uma justificativa.

No entanto, isso não significa que tudo será tranquilo. Existem algumas reações básicas do narcisista ao começar a estabelecer limites:

Ele pedirá uma justificativa imediata

Aceitar “não” como resposta final é estranho à natureza inata de um narcisista.

Ele é essencialmente programado para perseguir os desejos à custa de todos ao seu redor, então a reação inicial ao ouvir “não” será como uma intensa campanha para descobrir o porquê.

Ele vai provocar uma discussão

Provocar e empregar insultos pessoais é uma maneira infalível do narcisista tentar desviá-lo de estabelecer um limite.

Quando o abuso verbal começa, você pode ter certeza de que ele está tentando mudar sua postura, por meio de despejo da raive.

Ele distorce a realidade

Você pode se deparar com “evidências” completamente absurdas do narcisista sobre por que o “não” é injusto.

Ele é particularmente talentoso em ignorar a realidade e fazer declarações que são flagrantemente falsas, mas ele a faz com tanta convicção que fará você se questionar sobre o que é real.

Esse método, chamado gaslighting , é uma maneira muito palpável do narcisista controlar as narrativas ao seu redor.

Ele vai caluniar você para os outros

Quando um narcisista não consegue o que deseja, rebaixar você para os outros é um mecanismo de defesa para construir falsamente uma autoimagem.

Também o ajuda a racionalizar por que você está dizendo “não”. Se houver algo de errado com você, então sua resposta de “não” será considerada ilógica e injusta pelos outros.

Ele vai cortejá-lo

Se os ataques pessoais não conseguirem convencê-lo, o narcisista usará o charme.

Assim que a poeira do “não” baixar, ele vai recorrer a um pseudo-concordar com você.

Mas, apenas com a esperança de que ao desistir de uma pequena batalha o tornará mais propenso a dizer “sim” na próxima vez.

É tudo uma questão de poder e controle. Portanto, se o dano emocional não fizer você repensar sua resposta, ele provavelmente considerará a amabilidade uma opção.

Afinal, a imagem é incrivelmente importante para o narcisista e, em última análise, ele precisa ser visto como vítima quando você estabelece um limite.

Desgastando as defesas

Embora as consequências imediatas de dizer “não” a um narcisista sejam desafiadoras, o estabelecimento de limites é a única maneira de gerenciar essas interações.

Com muita prática e recusando-se a entrar em batalha, independentemente de quanto ele aumente a aposta, você será recompensado com menos interação.

No entanto, esta é uma maratona. O narcisista raramente desiste completamente, mas você pode, em algum momento, desgastar as defesas do narcisista aos poucos.

Livre-se do narcisismo em sua vida!

Psicólogo Emilson Silva com camisa roxa e rindo

Com mais de 12 anos de experiência, já ajudei milhares de pessoas a superarem algum tipo de abuso narcisista.

Lembre-se da verdade abrangente de que você precisa ter suas próprias opiniões e tomar suas próprias decisões, mesmo que discorde do narcisista.

Você tem o direito humano básico de pensar livremente, pode e deve exercer esse direito, mesmo em situações que parecem quase sem esperança.

É hora de retomar seu poder pessoal.