Cabeçalho site

Psicólogo online para vítimas de narcisismo em qualquer lugar do mundo

Início

Artigos

Sobre

Início » Coisas que você não deve dizer ao seu Psicólogo

Coisas que você não deve dizer ao seu Psicólogo

Homem de camisa preta, com um fundo escuro e a boca coberta com uma fita adesiva vermelha

Quando se trata de falar com seu Psicólogo, existem poucos tópicos que estarão fora de discussão. É importante que você esteja aberto nas suas sessões, seja elas online ou presencial.

Com isso dito, vou delinear algumas frases comuns que nós Psicólogos já ouvimos de nossos pacientes, e por que essas frases podem atrapalhar a evolução deles na terapia.

“Parece que estou falando demais”

Lembre-se de que o espaço e o tempo em que você está com o seu Psicólogo é seu. Se em algum momento da terapia você sentir que tem muito a dizer, então permita-se falar o que está pensando.

Em vez de se sentir mal por “falar demais”, você poderia dizer algo como: “Tenho muito o que compartilhar, agradeço sua atenção, e estou trabalhando para identificar os pontos mais importantes para dizer à você”.

Livre-se do narcisismo em sua vida!

Psicólogo Emilson Silva com camisa roxa e rindo

Com mais de 12 anos de experiência, já ajudei milhares de pessoas a superarem algum tipo de abuso narcisista.

Pode ser catártico descarregar todos os seus pensamentos em um ambiente seguro. Em vez de se desculpar, faça uma pausa e respire. Em seguida, considere:

  • Se você está falando sobre vários eventos superficiais para evitar chegar a questões mais profundas, ou;
  • Se você se sente desconfortável com uma pergunta que foi feita.

Qualquer que seja o motivo, o seu Psicólogo estará preparado para ajudá-lo a voltar ao ponto mais importante.

“Eu sou péssimo, pois não fiz minha lição de casa”

Em alguma ocasiões seu Psicólogo lhe dará uma tarefa no final da sessão e, em seguida, pedirá que você relate suas conclusões na próxima vez em que estiverem juntos. Embora seja importante priorizar este dever de casa, também é compreensível se você não foi capaz de fazê-lo.

Em vez de se concentrar naquele sentimento de culpa, tente chegar ao cerne da razão pela qual você não conseguiu concluir sua tarefa. Talvez você tenha tido dificuldade em administrar seu tempo naquela semana ou tenha se esforçado para entender sua importância. Talvez a tarefa foi um desafio tão grande que é melhor começar por algo mais fácil.

Seja qual for o caso, isso é algo que você e seu Psicólogo podem conversar e trabalhar durante a sessão. Você pode até sugerir fazer a tarefa durante sua sessão de terapia, se possível.

A terapia é o seu espaço e você é o líder do seu crescimento e mudança. O dever de casa é opcional em muitos casos, e fornecido para ajudar a aprimorar seu trabalho na terapia. Seu Psicólogo não está julgando você e não é útil julgar a si mesmo.

“Desculpe pelo que estou sentindo”

A terapia deve oferecer um espaço seguro para expressar suas emoções não violentas e encontrar apoio e mecanismos de enfrentamento.

É normal expressar emoções. Seu Psicólogo é treinado para ajudar as pessoas e orientá-las para lidar com elas da melhor maneira.

“Eu sempre falo apenas sobre mim”

Quando um paciente é novo na terapia, é comum ter dificuldade em se acostumar com uma conversa unilateral. Com amigos, temos um diálogo de vai e volta, então pode ser um pouco estranho discutir apenas seus pensamentos e sentimentos.

Lembre-se de que este é o seu espaço e tempo para curar e aprender. O ponto principal é falar sobre você.

“Não acredito que te disse isso!”

Um paciente pode se sentir envergonhado por informações que compartilhou na sessão atual ou na sessão anterior. Esse constrangimento pode deixá-los desconfortáveis ​​e angustiados.

Um bom Psicólogo pode validar os sentimentos e experiências de um paciente e ajudá-los a superar o desconforto.

Pense da seguinte maneira: a terapia é o seu palco e você é o escritor. Seu Psicólogo é o produtor que ajuda a guiá-lo para viver a vida que você deseja, fazendo perguntas, validando sentimentos e sendo testemunha de seus pensamentos.

Permita-se expressar livremente para que seu Psicólogo possa aprender sobre seu mundo e ajudá-lo a produzir a história de sua vida.

“A terapia não vai funcionar para mim.”

Essa mentalidade é comum em pessoas que são novas na terapia e ainda não entendem completamente sua função e poder. É particularmente comum em pessoas que lutam para abrir mão do controle e para pessoas que vêm para a terapia com noções preconcebidas sobre o “tipo” de pessoa que “precisa” da terapia.

A boa notícia é que você está aí e iniciou esta jornada para toda a vida. A melhor notícia é que você está totalmente autorizado a dizer algo como:

  • “Tenho medo de que a terapia não funcione para mim” ou;
  • “Não tenho certeza de como a terapia funciona ou se é para mim”.

Você pode até dizer: “Sou ambivalente quanto a entregar o controle a outra pessoa, então você pode descobrir que às vezes resisto às suas sugestões.”

Isso permite que seu Psicólogo entenda sua mentalidade e o ajude melhor a trabalhá-la para ter sucesso.

Outras coisas a evitar

Além de restringir (ou reformular) o que foi dito acima em suas sessões de terapia, existem alguns tópicos e comportamentos que realmente estão fora dos limites para você e seu Psicólogo.

Isso inclui:

  • Conversas confidenciais sobre outros pacientes que seu Psicólogo atende;
  • Conversas românticas (ou atividades) entre si;
  • Demonstração de insensibilidade à cultura, sexo, raça, gênero ou identidade;
  • Contar mentiras;
  • Reclamar sobre seu Psicólogo anterior;
  • Pedir para ele ser seu amigo;
  • Contar meias-verdades e/ou;
  • Dizer que só quer um atestado;

As emoções violentas também devem ser evitadas. Se você as sentir e as tiver, avise seu Psicólogo, e juntos poderão trabalhar para canalizá-las e torná-las mais saudáveis ​​(e mais verdadeiras).

Além disso, os Psicólogos não devem lançar um julgamento ou crítica sobre você ou outras pessoas, dar conselhos não solicitados ou falar em termos técnicos difíceis de seguir. Eles também devem cultivar um espaço onde você se sinta capacitado para estar aberto.

Livre-se do narcisismo em sua vida!

Psicólogo Emilson Silva com camisa roxa e rindo

Com mais de 12 anos de experiência, já ajudei milhares de pessoas a superarem algum tipo de abuso narcisista.

Por último…

Agora que você sabe o que não deve dizer ao seu Psicólogo, é útil ter uma ideia de como se comportar, em geral, ao trabalhar com ele:

  • Você precisa chegar à sua sessão pronto para compartilhar suas preocupações pessoais e ser franco sobre seus sentimentos e experiências;
  • Se há algo que você simplesmente não se sente confortável em discutir, seja honesto sobre seu desconforto, em vez de dar uma desculpa ou inventar uma mentira;
  • Além de aberto e honesto, é importante ser um participante ativo no processo de terapia. Isso significa fazer a lição de casa que seu Psicólogo atribuir à você. O dever de casa pode parecer estranho ou irritante, mas a verdade é que ele o passou porque acredita que isso o ajudará a progredir;
  • Esteja preparado para aplicar o que aprendeu na terapia em sua vida diária. Você pode conversar com seu Psicólogo o dia todo, mas se não fizer nenhuma mudança como resultado de suas sessões, não irá muito longe;
  • Esteja aberto à influência dele e disposto a experimentar novas formas de pensar e se comportar, com base no que você aprende no consultório.

O progresso na terapia pode ser acelerado quando você é capaz de estabelecer confiança relacionamento com seu Psicólogo. Isso pode exigir prática e tempo, então seja paciente e conceda-se alguma graça.

Um bom relacionamento com o Psicólogo é aquele em que você se sente respeitado, seguro e importante.


Comentários

3 respostas para “Coisas que você não deve dizer ao seu Psicólogo”

  1. Avatar de Raphaela
    Raphaela

    Até que fim achei a informação correta já tinha passado em
    dois sites antes e achei estranho o que estava escrito.
    Infelizmente na internet o povo escreve de tudo e de
    qualquer forma. Vou compartilhar o seu artigo no meu
    grupo do facebook.

    1. Obrigado pelo elogio! Tenho certeza que será útil às pessoas do seu grupo.

      1. Avatar de Clarice Henicka
        Clarice Henicka

        Falo o que penso depois me arrependo
        Sempre acho q as pessoas ficam magoadas
        Mas na hora não controlo meus impulsos
        Sofro muito com isso

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *