Cabeçalho site

Psicólogo online para vítimas de narcisismo em qualquer lugar do mundo

Início

Artigos

Sobre

Início » Outros » Os principais sinais de que você pode ser um psicopata

Os principais sinais de que você pode ser um psicopata

Homem com uma peruca de cabelo comprido, olhos arregalados e sorrindo de forma assustadora olhando para o observador

Na cultura popular, os psicopatas são frequentemente descritos como assassinos em série. Porém, Na realidade, poucos são criminosos.

Eles podem ser CEOs bem-sucedidos, diretores de empresas, administradores universitários de alto escalão, valentões de escritório, mães ambiciosas, colegiais ultra-populares, parceiros passivo-agressivos ou vizinhos rancorosos.

Será que você é um deles?

Aqui estão 8 sinais de psicopatia na população em geral. Se a maioria delas soa verdadeira para você, então pode haver aí tendências psicopáticas.

Livre-se do narcisismo em sua vida!

Psicólogo Emilson Silva com camisa roxa e rindo

Com mais de 12 anos de experiência, já ajudei milhares de pessoas a superarem algum tipo de abuso narcisista.

Você é mais racional

Enquanto as coisas estão acontecendo e você não fica entediado, então não tende a se prender a emoções negativas, como medo, tristeza, arrependimento ou desespero.

Isso o torna bom na resolução de problemas complexos, e permite que trabalhe rapidamente quando necessário.

Você também mantém a calma e é controlado em caso de emergência, ou se o prazo para uma atividade estiver prestes a acabar.

Pessoas que estão em uma situação de risco de vida têm uma chance maior de sobreviver se você estiver presente, isso porque você age rápido e estrategicamente, sem se distrair com dor e sofrimento.

Você é capaz de se diferenciar dependendo das circunstâncias

Você se comporta como um camaleão, ajustando seu comportamento para se adequar a qualquer situação em que se encontre.

É adepto ao uso de elogios para ganhar a confiança de outras pessoas, um comportamento indicando que você pode ser um psicopata.

Também é um excelente ator ou atriz, imitando emoções e desempenhando qualquer papel que a situação exija.

Você é engraçado, charmoso e divertido, ou representa o papel de um empata e faz os outros acreditarem que se preocupa profundamente com eles caso tenha algo a ganhar com isso.

Você fica facilmente entediado

Você precisa de adrenalina para evitar o tédio se responsabilizando por um grande grupo de pessoas, vivendo perigosamente, ou usando drogas estimulantes.

Quando as coisas ficam muito chatas, você tende a fazer jogos mentais com as pessoas, de modo a satisfazer sua constante necessidade de estímulo.

Você age impulsivamente

Você tem tendência a agir por capricho, exibindo um comportamento desnecessariamente arriscado e caracterizado por pouca ou nenhuma previsão ou consideração das consequências.

Pode ser tão inocente quanto ficar acordado assistindo filmes até as 4 da manhã, mesmo sabendo que precisará acordar para uma tarefa importante às 7, ou você compra outro pacote de metanfetamina ou cocaína, embora tenha prometido a si mesmo que desistiria.

Você mente, e nem mesmo sabe o motivo

Mesmo quando dizer a verdade não é um problema, você frequentemente responde às perguntas de outras pessoas com uma mentira.

De vez em quando, você mente para chamar a atenção ou se apresentar da melhor maneira possível.

Porém, você costuma contar mentiras que não o fazem parecer melhor ou mais interessante. A única coisa que o motiva é o próprio ato de mentir.

Apesar de não fazer isso para obter diretamente uma vantagem, ainda escolhe mentir e é bom nisso. Para você, mentir é quase uma forma de arte.

Você não aceita a responsabilidade por suas ações

Você raramente aceita a responsabilidade por seus atos, porque, quando as coisas dão errado, você tende a sentir que a culpa não é sua.

Em vez disso, outras pessoas e circunstâncias são responsabilizadas ​​pelos contratempos.

Se você não cumpre uma promessa a um amigo, é porque seu chefe exige muito de você. Se sempre chega atrasado ao trabalho, é porque seu colega de quarto fica horas no banheiro compartilhado.

Nas raras ocasiões em que aceita a culpa, é porque se sente acuado, mas, mesmo admitindo que é o culpado, não sente arrependimento, culpa ou remorso.

E isso é mais um indicativo de que você pode ser um psicopata.

Você tem um estilo de vida parasita

Você está sempre procurando receber mais do que dá.

Pode ganhar mais dinheiro do que todos os membros da sua família combinados, e ainda assim prefere dormir no sofá de sua irmã ou viver com o dinheiro de seus pais.

Quando as pessoas o agradam com uma refeição, uma bebida, um filme ou fazem um favor, você só retribui se achar que isso o beneficiará, a longo prazo.

Livre-se do narcisismo em sua vida!

Psicólogo Emilson Silva com camisa roxa e rindo

Com mais de 12 anos de experiência, já ajudei milhares de pessoas a superarem algum tipo de abuso narcisista.

Você se sente bem consigo mesmo

Em geral, você se sente bem consigo mesmo e não apresenta nenhum sintoma perceptível de doença psiquiátrica ou problemas psicológicos.

A própria ideia de ir à um psiquiatra ou Psicólogo é absurda demais. Até a ideia de ter um transtorno de personalidade parece ridícula.

Se alguma vez você procurar aconselhamento profissional, será porque foi vítima da ignorância ou do fracasso de outras pessoas.


Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *