3 sinais óbvios de que é hora de terminar uma amizade

Zoom em uma pessoa indo embora por uma estrada de asfalto

Categoria: Autoestima

Avatar de Psicólogo Emilson Lúcio da Silva

Importante: este artigo é meramente informativo e insuficiente para um diagnóstico definitivo. Sendo assim, é recomendado agendar uma consulta sobre seu caso em particular.

Publicidade
Início do artigo

Algumas pessoas vêm para a terapia se perguntando se vale a pena continuar ou se é hora de terminar uma amizade.

Elas fazem perguntas como: “estou sendo muito exigente?” ou “não tenho certeza se me sinto bem quando passo um tempo com ele/ela”.

Se você se encontra em uma situação semelhante, saiba que não está sozinho.

É comum que, de tempos em tempos, as pessoas reavaliem as amizades, ou passem tempo com alguém mesmo o bom senso dizendo para não fazê-lo.

Leia também:  10 maneiras de como ser mais carismático com as pessoas

As circunstâncias da vida também fazem os amigos se afastarem e voltarem.

Publicidade

Se você acredita que uma amizade está se deteriorando a ponto de não atender mais às suas expectativas, então aqui estão três maneiras de verificar se não é hora de terminar uma amizade.

Como o amigo reage quando você compartilha notícias emocionantes?

A reação de amigos íntimos ao ouvir suas boas notícias revela muito sobre a capacidade deles de manter relacionamentos saudáveis.

Alguns ficam genuinamente felizes por você, enquanto outros reagem com inveja ou negatividade.

Aqueles que sempre reagem com negatividade, ou mostram pouco entusiasmo não são bons para o seu bem-estar psicológico.

É importante estar cercado por pessoas que o apoiem e o elevem, em vez de derrubá-lo.

Cercar-se de pessoas positivas que comemoram seus sucessos e oferecem um ombro em tempos difíceis é crucial para o crescimento pessoal e a felicidade.

Um bom amigo está presente para compartilhar sua alegria e ajudá-lo a enfrentar os desafios da vida.

Isso não significa que precisará terminar uma amizade que não responda com positividade a cada um de seus sucessos. Somos todos humanos e temos dias ruins.

No entanto, se você notar um padrão de agressão passiva ou hostilidade indireta, então é melhor reavaliar seu relacionamento com essa pessoa.

Leia também:  Quando o medo do abandono é mais do que breves pensamentos

Seu amigo pergunta sobre você?

Relacionamentos saudáveis ​​requerem o dar e receber. Um amigo que está sempre falando sobre si e nunca pergunta sobre você ofusca o seu brilho.

Relacionamentos unilaterais são desgastantes e levam a sentimentos de negligência.

Um amigo que mostra interesse genuíno por sua vida e pergunta sobre você regularmente é precioso. Esse tipo de comunicação bidirecional é fundamental para construir confiança e respeito mútuo.

Um bom amigo sempre se esforçará para entender sua perspectiva, bem como estará presente para ouvir suas preocupações.

Mas, amizades unilaterais farão você se sentir inaudível e desvalorizado.

Você se sente autêntico perto do seu amigo?

É importante cercar-se de pessoas que o aceitam e apoiam por quem você é.

Se sente que precisa esconder ou mudar aspectos de si para se encaixar com um determinado amigo, talvez seja hora de terminar uma amizade.

Leia também:  Siga estes passos se quiser aprender a gostar de si mesmo

Somos mais autênticos fazendo coisas que estimulem os três comportamentos a seguir:

  • Reduzir a autoalienação: rejeitar a experiência subjetiva de “estar fora de si” ou “não se conhecer”;
  • Aumentar a vida autêntica: comportar-se de maneira a ser fiel ao seu eu central, na maioria das situações;
  • Rejeitar as influências externas: não se deixar levar pelo desejo de se conformar às expectativas dos outros e seguir os próprios valores e crenças.

O amigo que o apoia em sua jornada de autenticidade é como ouro, mas aquele que não o faz não vale o seu tempo e energia.

Palavras finais

Todos os nossos relacionamentos na vida têm valor, e não é uma boa ideia se separar das pessoas por motivos triviais.

No entanto, conscientizar-se de quais amigos estão fazendo bem é uma maneira inteligente de priorizar o tempo e os relacionamentos.

Sobre o autor: Emilson Lúcio da Silva

Avatar de Psicólogo Emilson Lúcio da Silva

Artigos relacionados

Avatar do Psicólogo Emilson Lúcio da Silva

Autor: Psicólogo Emilson Lúcio da Silva

Emilson Lúcio da Silva é Psicólogo desde 2012. Ele possui o título de especialista pelo Conselho Federal de Psicologia e é reconhecido como uma autoridade na área de saúde mental.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *