4 coisas que deixam qualquer relacionamento tóxico

Mulher dando um soco com luva de boxe no queixo de um homem

Categoria: Casamento

Avatar de Psicólogo Emilson Lúcio da Silva

Importante: este artigo é meramente informativo e insuficiente para um diagnóstico definitivo. Sendo assim, é recomendado agendar uma consulta sobre seu caso em particular.

Publicidade
Início do artigo

Comprometer-se com alguém em um relacionamento romântico proporciona uma enorme alegria e bem-estar. Porém, existem algumas coisas que deixam qualquer relacionamento tóxico, e o que antes era proximidade e intimidade, agora se tornou um problema.

Dessexualizando o parceiro

A passagem do tempo, as tensões da vida, as exigências dos filhos e do trabalho, e outras influências podem distanciar o casal. O parceiro que provocava uma conexão emocional, e era sexualmente intrigante, agora parece ter se transformado em um companheiro de quarto.

Isso ocorre porque quando a vida é difícil (como invariavelmente ela é em diferentes momentos), as pessoas acabam tratando umas às outras como apenas mais um problema a ser gerenciado. Elas erroneamente pensam que é preciso muita energia para manter a conexão emocional e sexual com seu parceiro.

Quando sobrecarregadas com trabalho, filhos ou vida, as pessoas procuram atalhos, tornando o relacionamento tóxico. Nessas circunstâncias, eventualmente, alguém olha nos olhos do parceiro e vê apenas problemas a serem ser discutidos.

Leia também:  Como a negligência emocional no relacionamento se manifesta?

Dessexualizar o parceiro pode ser insidioso. A princípio pode parecer algo inofensivo, mas com o tempo, a distância vai aumentando até que se tenha a sensação de estar dormindo com um estranho.

Evite o enraizamento desse padrão priorizando seu relacionamento romântico sobre todo o resto.

Se você sente que não tem tempo, está superestimando o que é necessário para se conectar com seu parceiro. Algumas observações sinceras e ponderadas podem estreitar o vínculo. Um jantar romântico onde vocês podem se concentram um no outro, e não nas tarefas, nos filhos ou nos planos que precisam ser feitos, fará toda a diferença.

Segredos e Mentiras

Assim que um parceiro começa a mentir ou guardar segredos, o fruto do relacionamento azeda. Se você está mentindo para seu parceiro, só há uma maneira de melhorar as coisas: confessar.

Mentira gera mais mentira e, antes que você perceba, seu parceiro ficará ansioso, tentando adivinhar e questionando cada movimento seu.

O próximo passo típico será você acusar seu parceiro de ser “louco”, tornando-o ainda mais paranoico. Não faça isso com ele ou com você mesmo. Se você sentir a necessidade de fugir ou mentir, pergunte a si mesmo: Por que essa coisa em particular é difícil de compartilhar com meu parceiro?

Crie coragem e confesse a mentira. Seja o que for, é sempre melhor falar a verdade. Ser sincero um com o outro, mesmo com as revelações mais difíceis, aumenta a intimidade e a proximidade.

Leia também:  Sinais de que você está em um casamento tóxico

Você descobrirá que pode compartilhar qualquer coisa com o parceiro, e ele ainda vai te amar.

Publicidade

Tratamento desrespeitoso

Cada vez que você diz algo maldoso ao seu parceiro, você coloca uma energia abusiva no ar. É impressionante a frequência com que alguns casais desrespeitam e aceitam o desrespeito mútuo.

Isso faz com que as pessoas se sintam menores e piores consigo mesmas, e você provavelmente acaba se sentindo culpado ou como uma “pessoa má”. Argumentos podem rapidamente se transformar em assassinatos de caráter e xingamentos, principalmente quando não se tem as habilidades para discutir enquanto mantém o respeito.

Como resultado, áreas de descontentamento não são resolvidas e o relacionamento tóxico cria raízes. Discutir e ficar bravo um com o outro é normal quando as pessoas estão próximas, mas é necessário manter um padrão humano decente, sem xingamentos, tratamento desrespeitoso e ações abusivas.

Leia também:  Como sobreviver em um casamento infeliz?

Confiar demais em influências externas

A força de um vínculo romântico é diminuída quando o parceiro começa a depender consistentemente de outra pessoa para suas necessidades.

Todo mundo solicita opiniões, e todo mundo precisa de um sistema de apoio emocional fora de seu relacionamento romântico. No entanto, se você ou seu parceiro confiam consistentemente em outra pessoa para tomar decisões ou fazer o trabalho pesado da vida para você, o romance evaporará.

Afinal, uma grande parte do amor romântico é sentir como se alguém soubesse tudo sobre nós e sempre nos apoiasse. Se você terceirizar isso, essa proximidade e intimidade se dissipará ou nunca se desenvolverá.

Mesmo que você não deseje, sentirá a distância crescer quando houver uma terceira pessoa em seu relacionamento romântico.

Sobre o autor: Emilson Lúcio da Silva

Avatar de Psicólogo Emilson Lúcio da Silva

Artigos relacionados

Avatar do Psicólogo Emilson Lúcio da Silva

Autor: Psicólogo Emilson Lúcio da Silva

Emilson Lúcio da Silva é Psicólogo desde 2012. Ele possui o título de especialista pelo Conselho Federal de Psicologia e é reconhecido como uma autoridade na área de saúde mental.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *