11 técnicas usadas por quem manipula seu cônjuge

Foto em preto e branco do rosto de uma mulher com uma lágrima escorrendo do seu olho direito

Categoria: Casamento

Avatar de Psicólogo Emilson Lúcio da Silva

Importante: este artigo é meramente informativo e insuficiente para um diagnóstico definitivo. Sendo assim, é recomendado agendar uma consulta sobre seu caso em particular.

Publicidade
Início do artigo

Gaslighting é uma tática usada por pessoas para ganhar mais poder, e faz com que a vítima questione sua própria realidade. Constitui de técnicas comuns utilizadas por abusadores, ditadores, narcisistas e líderes de seitas. E acredite, funciona muito melhor do que você imagina.

Qualquer pessoa é suscetível à gaslighting. A manipulação acontece lentamente, para que a vítima não perceba o quanto ela sofreu uma lavagem cerebral. É frequentemente utilizado por pessoas que querem manipular seu cônjuge, a ponto dele pensar que está enlouquecendo.

Normalmente a técnica de gaslighting utilizada constitui de 11 sinais principais:

Contar mentiras flagrantes

O manipulador sabe que é uma mentira. No entanto, eles contam essa mentira com uma cara séria, parecendo ser verdade. Depois que eles contam uma grande mentira, o cônjuge não tem mais certeza se alguma coisa que eles dizem é verdade.

Leia também:  Quando a frequência sexual entre parceiros é diferente

O objetivo é manter o cônjuge instável e desequilibrado.

Negar ter dito algo, mesmo que se tenha provas

O manipulador sabe o que disse, e o cônjuge sabe o que ouviu. Porém eles negam completamente o que disseram, fazendo com que o cônjuge comece a questionar sua própria realidade com frases do tipo: “talvez ele nunca tenha de fato dito isso”.

E quanto mais os manipuladores fazem isso, mais o cônjuge questiona a sua realidade e começa a aceitar a deles.

Usar o que é próximo e caro a você como munição

Eles sabem como os filhos são importantes para o casal, e como a identidade do cônjuge é importante. Portanto, essas podem ser uma das primeiras coisas que os manipuladores atacam.

Se o casal tem filhos, os manipuladores dizem que o cônjuge não deveria ter tido esses filhos. Eles também dirão que o cônjuge seria uma pessoa digna se não tivesse uma longa lista de características negativas.

Os manipuladores atacam a base do ser.

Provocar desgaste na relação com o tempo

Esta é uma das coisas insidiosas sobre a gaslighting. Ela é feita gradualmente, ao longo do tempo. Uma mentira aqui, uma mentira ali, um comentário malicioso de vez em quando, e então aos poucos a coisa vai aumentando.

Publicidade

Mesmo as pessoas mais brilhantes e autoconscientes podem ser sugadas para dentro de uma técnica gaslighting bem empregada, pois ela é muito eficaz. É como a analogia do “sapo na panela”: o calor aumenta lentamente, de modo que o sapo não percebe o que está acontecendo com ele, e quando percebe, pode já estar cozido.

Leia também:  Sinais de que você está em um casamento tóxico

As ações não correspondem com suas palavras

Ao lidar com cônjuge manipulador, olhe para o que ele está fazendo e não para o que está dizendo. O que eles estão dizendo não significa nada; é apenas conversa.

O que eles estão fazendo é o que vale.

Lançam um reforço positivo para confundir o cônjuge.

Esse manipulador que diz que o cônjuge não tem valor, agora o está elogiando por algo fez. Isso adiciona uma sensação adicional de desconforto. O cônjuge pensa: “Bem, talvez ele não seja tão ruim.”

Esta é uma tentativa calculada de manter o cônjuge sobre controle, e novamente de questionar sua realidade.

A confusão enfraquece as pessoas

Manipuladores sabem que as pessoas gostam de ter um senso de estabilidade e normalidade. O objetivo deles é erradicar isso e fazer o cônjuge questionar tudo constantemente.

A tendência natural dos humanos é olhar para a pessoa que o ajudará a se sentir mais estável, e isso acontece ser a presença do manipulador.

Os manipuladores projetam na maioria das vezes

Eles podem ser usuários de drogas ou traidores, mas estão constantemente acusando o cônjuge disso. Isso é feito com tanta frequência que o cônjuge começa a tentar se defender e se distrai do próprio comportamento do manipulador.

Tentam colocar as pessoas contra o cônjuge

Gaslighters são mestres em manipular e encontrar as pessoas que eles sabem que estarão ao seu lado, não importa o que aconteça. E eles usam essas pessoas contra você.

Leia também:  A complicada verdade sobre mentir para o parceiro

Eles farão comentários como: “Esta pessoa também sabe que você é inútil”. Lembre-se de que isso não significa que essas pessoas realmente disseram essas coisas. Um manipulador é um mentiroso constante.

Quando o manipulador usa essa tática, o cônjuge sente que não sabe em quem confiar ou a quem recorrer, e é exatamente isso que eles querem: o isolamento lhes dá mais controle.

Dizem aos outros que o cônjuge é louco

Esta é uma das ferramentas mais eficazes dos gaslighters. Ele sabe que, se questionarem a sanidade do cônjuge, as pessoas não acreditarão quando lhes disserem que o manipulador é abusivo ou está fora de controle. É uma técnica mestre.

Dizem que todos são mentirosos

Ao dizer que todo mundo (a família do cônjuge, a mídia) são mentirosos, novamente o manipulador faz o cônjuge questionar sua realidade. Isso faz com que o cônjuge recorra ao manipulador em busca de informações “corretas”, mas que não são informações corretas de forma alguma.

Quanto mais o cônjuge estiver ciente dessas técnicas, mais rápido poderá identificá-las e evitar cair na armadilha de um manipulador.

Sobre o autor: Emilson Lúcio da Silva

Avatar de Psicólogo Emilson Lúcio da Silva

Artigos relacionados

Avatar do Psicólogo Emilson Lúcio da Silva

Autor: Psicólogo Emilson Lúcio da Silva

Emilson Lúcio da Silva é Psicólogo desde 2012. Ele possui o título de especialista pelo Conselho Federal de Psicologia e é reconhecido como uma autoridade na área de saúde mental.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *