Os 10 principais passos para terminar um relacionamento tóxico

Duas pessoas cobrindo o nariz enquanto estão dentro de uma nuvem de fumaça

Categoria: Divórcio

Avatar de Psicólogo Emilson Lúcio da Silva

Importante: este artigo é meramente informativo e insuficiente para um diagnóstico definitivo. Sendo assim, é recomendado agendar uma consulta sobre seu caso em particular.

Publicidade
Início do artigo

A dúvida sobre como terminar um relacionamento tóxico tem muitas respostas, porém pode-se resumir tudo a uma só resposta: você deve fazer isso com muito cuidado.

Na maioria das vezes você precisará fazer muito exame da consciência, planejamentos, conversas sobre o assunto e, então, se equilibrar na corda bamba para alcançar uma nova vida.

Publicidade

Você está aqui por que quer descobrir como romper um relacionamento romântico tóxico.

Contudo, relacionamentos tóxicos não se limitam ao romance. Uma pessoa tóxica pode ser:

  • Membro da família;
  • Colega de trabalho;
  • Amigos;
  • Cônjuge de um amigo ou parente;
  • Vizinhos;
  • Parceiros de negócios;
  • Estudantes em sua escola;

Portanto, vá com cuidado e tudo valerá a pena.

Além disso, você deve conhecer suas opções caso suspeite da menor possibilidade de um abuso retaliatório ou de violência. Você sempre pode obter ajuda. Sempre.

Agora vou te conduzir por 10 etapas que o ajudarão a terminar um relacionamento tóxico. Pode haver mais ou menos etapas para você, já que cada situação é única.

Aceite que você tem um relacionamento tóxico

O primeiro passo para resolver qualquer problema é encará-lo de frente. Isso é especialmente verdadeiro para o fim de relacionamentos tóxicos.

Admitir que você está em um relacionamento tóxico não é um pequeno passo, é um enorme passo. Você estará em uma caminhada da que vai da negação à aceitação.

Não se preocupe, pois a ciência está do seu lado. Muitas pesquisas mostram os efeitos prejudiciais à saúde de continuar um relacionamento tóxico.

Leia também:  Os principais sinais do fim do casamento

Por exemplo, a sensação de ser assediado, intimidado ou condenado ao ostracismo em um local de trabalho tóxico pode levar a:

  • Estresse;
  • Esgotamento;
  • Depressão e;
  • Ansiedade.

Tenha um diário para registrar suas emoções

Eu sei que escrever sobre suas emoções pode ser a última coisa que tenha vontade de fazer, já que esteja se sentindo nervoso demais para se concentrar.

Não se preocupe, escrever sobre emoções não vai deixar você pior.

Nós psicólogos temos um nome para a atividade de escrever sobre seus sentimentos: escrita expressiva. E também concordamos que isso pode deixá-lo mais ansioso, assustado ou chateado logo após escrever.

Mas persista por algumas semanas, e você notará benefícios físicos e mentais.

Esses benefícios incluem:

  • Menos consultas médicas por causa do estresse;
  • Sistema imunológico melhorado;
  • Diminuição da pressão arterial;
  • Função pulmonar melhorada;
  • Menos tempo de internação em hospitais;
  • Melhorias do humor;
  • Maior sensação de bem-estar.

Identifique as vantagens e desvantagens do relacionamento tóxico

Seu relacionamento tóxico pode até ter algumas vantagens, então pegue seu diário e anote-as. Veja se alguns desses exemplos te parece familiar:

  • As finanças são compartilhadas e não posso me dar ao luxo de viver sozinho;
  • Ele é da minha família, e pelo menos fica babá de vez em quando;
  • Sim, meu chefe é tóxico, mas pelo menos ele é previsível;
  • Estou na casa dos 60 anos e tudo me é familiar, como eu poderia começar tudo de novo?

Quaisquer que sejam as vantagens e desvantagens, escreva-as. Veja se os pontos positivos realmente valem o preço de se manter em uma relação tóxica.

É provável que não, então ver isso em “preto e branco” no papel pode trazer mais clareza.

Preencha as lacunas

Provavelmente se abrirão lacunas em sua vida depois que as vantagens desaparecerem. Então agora é a hora de planejar como preenchê-los.

Digamos que uma das vantagens de seu relacionamento tóxico é ter um lar.

Você pode começar a procurar novos arranjos de moradia, mesmo que isso signifique ficar com um amigo ou parente por um curto período de tempo.

Se finanças compartilhadas são uma vantagem, agora pode ser a hora de se abrir para um segundo emprego ou trabalho de curto prazo.

Se companheirismo, ou mesmo amor, é uma vantagem, lembre-se de que existem outras pessoas interessantes esperando por você.

Mais importante ainda, comece a fazer as coisas que você ama e que seu relacionamento o impede de fazer, como sair para dançar ou ir à praia.

Leia também:  Como fazer seu ex voltar seguindo algumas dicas simples?

Com certeza, após umas 2 semanas com novas pessoas, você estará cheio de esperança e se sentindo mais rejuvenescido.

Aproxime-se de pessoas positivas

Atualize-se observando quais amigos ou familiares podem apoiá-lo (e você, eles!). Mesmo uma pessoa é o suficiente. Eles lhe darão coragem e uma ideia do que pode ser a vida fora de um relacionamento tóxico.

Você também pode considerar entrar em contato com um Psicólogo ou encontrar um grupo de apoio.

São pessoas que ficarão com você depois que terminar o relacionamento. Você precisará deles para apoio emocional, ajuda para conseguir um emprego ou ideias de um novo lugar para morar.

A qualidade de seus relacionamentos afeta seu sistema imunológico, bem como seu humor, motivação e habilidades de enfrentamento.

Ter apoio social pode ainda diminuir o risco de desenvolver problemas de saúde, como:

  • Câncer;
  • Doenças cardíacas;
  • Depressão e;
  • Vícios.

Escreva uma carta para si mesmo

Além de todos em uma rede de suporte, há outra pessoa de que você precisa desesperadamente do seu lado: você!

Você é quem o conhece melhor e está com você há mais tempo.

Tente anotar todos os conselhos, expressar o amor e a compaixão que você tem, lacre-o em um envelope e envie para você mesmo.

Compre um mimo para si mesmo

Não há nada de errado em se dar uma recompensa por cada passo positivo que você for adiante.

Digamos que você conseguiu dizer um não educado para um futuro ex-amigo que está exigindo seu tempo, então você recompensar-se fazendo algo de que você realmente goste. Talvez seja lendo um livro sozinho.

Essa tática pode ser exagerada, é claro, e se transformar em distração ou escapismo. Porém, fazer algo que é difícil e depois se recompensar pode ajudar na sua motivação.

As recompensas aumentam a motivação e ajudam a alcançar nossos objetivos. As vias neurais de reforço e aprendizagem são algumas das mais antigas em nosso cérebro.

Se as recompensas funcionaram ao longo dos tempos, certamente podem funcionar para você!

Não caia na tentação de se sentir culpado

Quando você termina um relacionamento tóxico, pode se sentir culpado por vários motivos, como por exemplo:

  • Ficar muito tempo no relacionamento;
  • Machucar a outra pessoa;
  • Acreditar que o relacionamento pode ter prejudicado seus filhos.

Seja qual for a razão pela qual você se sente culpado, o primeiro passo para a cura é o perdoar a si mesmo.

Leia também:  Os melhores e evidentes sinais de que seu ex não quer voltar

O perdão vai ajudá-lo emocionalmente e fisicamente. O perdão pode:

  • Diminuir o risco de ataque cardíaco;
  • Reduzir a pressão arterial;
  • Melhorar os níveis de colesterol;
  • Reduzir os níveis de ansiedade, depressão e estresse.

Repita frases afirmativas

As afirmações podem ser ferramentas poderosas de mudança. Se você quiser se sentir forte, por exemplo, tente dizer “Eu sou forte” para si mesmo.

Claro, você também precisará realizar etapas práticas!

O cérebro realmente muda com a prática regular de autoafirmação. Certas vias neurais se tornam mais ativas em pessoas que praticam a autoafirmação.

Permita-se ter um pouco de descanso

Uma das melhores coisas que você pode fazer após um rompimento de qualquer tipo é dar a si mesmo tempo para se recuperar.

Isso é especialmente verdadeiro após um relacionamento tóxico.

Depois de encerrar esse capítulo, gaste todo o tempo de que precisar para respirar e saborear a vida novamente. Concentre-se no que é importante em sua vida.

A energia necessária para suportar a abstinência de um relacionamento, principalmente o romântico, é equivalente a trabalhar em um emprego de tempo integral.

Sinceramente, este pode ser o trabalho mais difícil que você fará.

Além do apoio de pessoas que entenda sua necessidade de superação, você deve manter o resto de sua vida simples. Você precisa de descanso e solidão.

Palavras finais

Terminar um relacionamento tóxico pode ser difícil e demorado, mas também pode ser revigorante e libertador. Vai abrir sua vida para você novamente.

Certifique-se de que gasta tempo e energia para fazê-lo de maneira adequada. Não importa se você está no relacionamento há muito tempo. Você sempre tem uma saída e o direito de seguir esse caminho.

Estas 10 etapas podem ajudar a colocá-lo no caminho certo. A rede de suporte que você constrói em torno de você o ajudará a fazer o resto.

Permaneça confiante. Conheça suas opções se você antecipar a menor possibilidade de abuso ou de violência retaliatória. Você sempre pode obter ajuda. Sempre.

Não importa em que etapa do término de um relacionamento tóxico você esteja, parabenize-se por ter vindo tão longe.

Lembre-se de que você merece um relacionamento saudável.

Sobre o autor: Emilson Lúcio da Silva

Avatar de Psicólogo Emilson Lúcio da Silva

Artigos relacionados

Avatar do Psicólogo Emilson Lúcio da Silva

Autor: Psicólogo Emilson Lúcio da Silva

Emilson Lúcio da Silva é Psicólogo desde 2012. Ele possui o título de especialista pelo Conselho Federal de Psicologia e é reconhecido como uma autoridade na área de saúde mental.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *