Veja estas 3 dicas de como se libertar da dor de uma traição

Um casal sentado e uma tela de celular com um coração partido

Categoria: Infidelidade

Avatar de Psicólogo Emilson Lúcio da Silva

Importante: este artigo é meramente informativo e insuficiente para um diagnóstico definitivo. Sendo assim, é recomendado agendar uma consulta sobre seu caso em particular.

Publicidade
Início do artigo

A infidelidade é uma experiência complexa, dolorosa, que custa caro a ambos os membros de um relacionamento e que leva tempo para aprender a como se libertar da dor de uma traição.

Isso faz com que você questione a base de sua identidade, perguntando-se coisas como:

  • “Há algo de errado comigo? Não sou suficiente?”;
  • “Meu casamento inteiro foi uma grande farsa?”;
  • “Serei capaz de confiar no meu parceiro novamente? Ou qualquer outro parceiro?”;
  • “Porque é que isto me aconteceu? O que eu fiz para merecer isso?”;

Tentar se apressar para entender uma experiência traumática nunca é uma boa ideia. Isso o levará a uma espiral de pensamentos obscuros e intrusivos.

Por outro lado, há alguns passos imediatos que você pode tomar para se libertar da dor de uma traição , antes de embarcar em uma investigação mais profunda do que aconteceu. Pense nisso como primeiros socorros emocionais.

Leia também:  Microtraição: como lidar com comportamentos inadequados?

Aqui estão três coisas que você pode fazer após um episódio de infidelidade:

Dê um tempo para si mesmo

Muitos casais dirão que grande parte da dor que causaram um ao outro após uma traição poderia ter sido evitada se eles tivessem se comunicado melhor.

Portanto, em vez de forçar um confronto ou tomar uma decisão que altere a vida às pressas, procure um local para descansar e deixar que o impulso inicial se acalme.

Refugie-se em um espaço seguro, como a casa do seu melhor amigo ou dos pais. Certifique-se de que as primeiras conversas que você tiver neste momento sejam com entes queridos.

O impulso de machucar seu parceiro de volta vai te sobrecarregar, e não vale a pena o arrependimento que vai te causar mais tarde.

Uma maneira de ser justo consigo mesmo durante um período de turbulência emocional é imaginar um ente querido passando pelo mesmo que você, e se tratar com tanta paciência e atenção quanto você o trataria.

Busque ajuda profissional para se libertar da dor de uma traição

Um caso extraconjugal ou de infidelidade são cenários que atrairão a atenção dos outros, para melhor e para pior.

Leia também:  O segredo para conseguir o perdão do parceiro

Você vai encontrar-se inundado com conselhos não solicitados e simpatia inútil. Mesmo quando vem de um bom lugar, mensagens de arrependimento e condolências não vão levá-lo muito longe para se libertar da dor de uma traição.

Em um momento tão delicado, é uma boa ideia marcar uma consulta com um Psicólogo. Eles são treinados especificamente para ajudar as pessoas a superar problemas familiares e conjugais. Obter uma perspectiva imparcial elimina muitas das inibições que você sentirá ao conversar com um ente querido.

Sem julgamento, sem projeções, sem suposições. Apenas uma conversa aprofundada sobre a melhor maneira de se recuperar.

Lembre-se de que vocês dois são humanos

Pode-se argumentar que ter empatia com seu parceiro depois que ele traiu sua confiança não o ajuda de forma alguma, e isso está certo. Porém, abordá-lo com sentimentos de vingança e vê-lo como um monstro também não ajuda.

Você não precisa perdoá-lo ou esquecer suas ações, mas vale a pena lembrar-se de que abrigar ódio é como constantemente cutucar uma ferida, e isso só vai prolongar a necessidade de se libertar da dor de uma traição

Leia também:  O que é a infidelidade financeira conjugal?

Sempre vê-lo como o “perpetrador” é sempre ver a si mesmo como a “vítima”. Na maioria dos casos de infidelidade, a situação e as pessoas envolvidas são muito mais complexas.

Publicidade

Conclusão sobre como se libertar da dor de uma traição

Mesmo em um caso de infidelidade, há sempre uma luz no fim do túnel.

Embora o caminho para se libertar da dor de uma traição possa ser longo, praticar o perdão, buscar aconselhamento e gerenciar memórias são algumas maneiras eficazes de iniciar o processo. Para que a reconciliação funcione, os Psicólogos lhe dirão que é preciso haver uma mudança na dinâmica de poder do relacionamento.

Para superar seu parceiro atual, você provavelmente precisará redefinir fundamentalmente o que deseja em uma parceira romântico.

Sobre o autor: Emilson Lúcio da Silva

Avatar de Psicólogo Emilson Lúcio da Silva

Artigos relacionados

Avatar do Psicólogo Emilson Lúcio da Silva

Autor: Psicólogo Emilson Lúcio da Silva

Emilson Lúcio da Silva é Psicólogo desde 2012. Ele possui o título de especialista pelo Conselho Federal de Psicologia e é reconhecido como uma autoridade na área de saúde mental.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *